Ocorreu um erro neste gadget

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

Batendo as asas.

Podemos voar !
Podemos voar !
Que gênio o meu ao dispensar
Muitas vezes a harmonia à minha volta
É boa para minha raiva por mais.

Momentânea que seja; A luz.
É eterna, é constante.
Minha vontade aumenta ao pensar.
Ao ter certeza do pensar.

Vou alcançar, posso voar !

Jorge Madoz

Nenhum comentário:

Postar um comentário